Há dias  me sinto estranha. Perdi um amigo, estou dodói e cansada e as palavras não tem dado conta de expressar tudo o que sinto.

Sabe aquele dia em que nada parece que tem jeito e que a única vontade é deitar na cama e dormir sem ter fim? Pois esse é o meu dia hoje. Mas tenho que viajar, passagens compradas para ir logo ali visitar minha família. 

É isso, post meio esquizo…mas é como sinto. 

PS: Só para lembrar, a maioria das imagens que uso são buscas no Google. Um dia consigo postar as minhas próprias. Sem culpa por isso.

Como anda o meu Projeto 101 coisas em 1001 dias

People! Hoje vim para dar contorno a algumas coisas que já estavam pensadas a algum tempo e que tenho realizado pouco a pouco. É, lembram do Projeto 101 coisas? Então, ele segue e vim fazer um resumo dos três meses deste ano que já passaram para dar aquela animada pelos itens cumpridos e lembrar todos os outros que estão em aberto.
Desde janeiro tem um item super bacana que venho cumprindo à risca e já fiz altos avanços. Para ser sincera para mim já é um item cumprido. Refiro-me ao Item 29. Reaprender a dirigir e me encher de confiança nisso pra dirigir bem. Galera, ainda rola um medinho de bater no carro alheio, atropelar os pedestres malucos que literalmente “se jogam” na frente do carro, mas tenho dirigido mais frequentemente, feito viagens longas sobretudo. Então, estou oficialmente dirigindo no trabalho! Feliz da vida de ter superado mais um medo e mais uma trava que eu tinha. Iuhuuu, eu posso! Você também, não duvide!
Com algum esforço tenho começado a trabalhar o Item 26. Mudar o visual e “melhorar” a forma de vestir (com ajudinha da wishlist). Desde janeiro tenho adquirido algumas peças novas de roupa, doado outras tantas e aumentado o número de acessórios. Tudo bem que ainda é um início e a tarefa não está totalmente executada, até porque é algo processual mesmo. Mas ando numa boa fase!
Como sempre o Item 27. Acompanhar séries legais é o mais bem sucedido da lista em termos de andamento! Sempre vejo algo e embora esteja faltando terminar de assistir uma porção de séries que já tiveram seu fim, este é um item que não deixo de lado. Então fico feliz com isso, não só porque tenho cumprido algo mas porque é um prazer assistir as minhas séries queridas e junto com isso além de descansar aprendo futilidades legais. Caso alguém queira saber quais séries tenho visto é só ir no link das 101 coisas na parte superior do blog.
Já no Item 28. Fechar gestalts com algumas pessoas, observo que nesse um ano de volta ao Brasil muita coisa já ficou resolvida de vez. Nos últimos três meses pude confirmar que as questões que mais me incomodavam já estão definidas e tenho a clareza do lugar de algumas pessoas na minha vida, e tive a oportunidade de dizê-lo. Ou seja, Item 28 resolvidíssimo, delícia!
Mês passado comecei uma faxina no meu novo notebook lindo que ganhei de Natal do amore, cumprindo uma etapa mais do Item 33. Organizar meus arquivos no pc a cada 6 meses (2/5).
O Item 43. Voltar ao ir ao cinema com certa freqüência é outro que está em andamento! Finalmente consegui ir ao cinema mês passado e assisti Reis e Ratos. O filme deste mês está para ser escolhido e já combinei com marido de irmos no próximo finde.
E para finalizar, tem os avanços do Item 84. Fazer um tratamento ou cuidado para o cabelo. Em janeiro comprei um creme da Novex de queratina, um vidrinho de óleo de coco e outro de Bepantol e estou usando no cabelo. Tenho conseguido fazer hidratação com certa frequência, mas confesso que não tem dado bons resultados. Meu cabelo é ralo e super oleoso. Por motivos hormonais creio que a situação está mais complicada. Talvez seja hora de ir ao dermatologista e também ao cabeleireiro!
É isso, gente. Fiz alguns avanços nesse início de ano, e quero começar a trabalhar outros itens da minha lista, especialmente aqueles que tem relação com minha saúde. Assim que tiver começado eu já sinalizo por aqui. Afinal, escrever sobre eles sempre me motiva muito mais.
Por hoje é só.
Bjocas

Cara nova

Todo mundo que passa por aqui já deve ter percebido que estou de saco cheio da cara do blog faz algum tempo,né? Mas meus conhecimentos informáticos são jurássicos e mínimos, e por mais que eu seja uma pessoa muito curiosa ainda não consegui acertar isso daqui do jeito que eu gostaria.

Portanto achei uma boa idéia publicar um post pedindo help para esse processo. Funciona assim: dê sua opinião, sugestão, dica, ou como preferir. Caso algum de vocês tenha conhecimento bacaninha ou já faça esse tipo de trabalho, avisa também! Quero muito cuidar deste cantinho. E não tenho vergonha de pedir ajuda.

Sinta-se à vontade, comente!

Gracias

A lo loco se vive mejor

“ay vive la vida como tu quieras
vive la vida con tu sabor
vive la vida que yo te digo
que a lo loco se vive mejor”

Jarabe de Palo

Essa estrofe é parte da letra de uma música que eu particularmente gosto muito do grupo Jarabe de Palo. Ela diz de uma forma de vida na qual a gente pode desfrutar a vida, sem stress, sem preocupação, degustando tudo o que ela nos oferece. A lo loco é para mim uma maneira de viver que a gente deveria adotar mais frequentemente nessa nossa caminhada.

Hoje estou um tanto quanto estranha e nem é TPM, dor de cabeça, gripe ou bicho de pé. É mesmo aquele dia em que a alma da gente sente uma porosidade grande e tudo passa sem muito filtro e invade deixando a sensação de que sou tudo e nada ao mesmo tempo.

Tá, postzinho filosófico do caramba, mas é que muitas coisas andam acontecendo que tem me feito pensar. O nosso tempo é muito pequeno aqui nesse mundo e temos o péssimo hábito de mal gastar esse pouco que nos é dado com coisas banais. Tudo bem que cada um tem o seu conceito de importante, banal, imprescindível. Mas se observarmos o movimento em geral de todos nós é que tem tanta besteira impedindo a gente de viver plenamente! Tantas convenções, moralismos sem sentido, coisas de adulto que só nos fazem morrer por dentro cada dia um pouquinho mais.

Essa falta de filtro que vivo hoje não é de todo ruim. É quando me permito ver com outras lentes, de outras perspectivas o que venho escolhendo pra mim. Porque na verdade a vida é feita de escolhas, seja como for, decidir é uma das coisas mais importantes nesse caminho, como já bem disse Cora Coralina. E eu quero decidir bem, quero viver bem, com vida e intensidade! Não quero deixar os dias passarem e lá na frente pensar no que poderia ou não ter aproveitado. Isso não quer dizer que então preciso estar fora de casa, badalando, viajando, compartilhando sempre com outrem…quer dizer ter uma abertura para a potência de vida que existe em tantos momentos simples, pequenos, e também nos grandes. É estar atenta e me permitir sentir, respirar, pensar e agir com calma e paz! O que não quero é a pressa, é comer rápido, falar rápido, não ver os amigos, fechar-me nos meus conceitos, não ter tempo para estar junto de quem amo. O que quero evitar é não estar por inteiro nas coisas, é não fazer o que quero nunca e viver reclamando. Isso, isso: viver reclamando! Não quero isso pra mim, nem agora, nem quando eu tiver muitos anos nas costas.

Sentir esse monte de pontilhado na alma às vezes é bom, tá vendo?

Então, tá! Façamos nossas escolhas!

Beijocas estaladas 😉

E foi-se o Feriado

Pois bem, feriado por aqui não foi nada Santo. Pepinos derivados dos “ossos do meu ofício” caíram bem de cheio nos dias de descanso e bora resolver o que era preciso.

Impactos psíquicos à parte, foi bom cuidar um pouco da casa, começar de fato meu curso online no SENAD e acertar um pouco a bagunça do meu computador. Fora isso foi curtir um pouco os miaus e meu marido gato.

O saldo no final foi positivo, mas confesso aguardar com muita vontade o próximo final de semana, que se tudo correr bem, será com certeza mais tranquilo do que este que passou.

Tenho novidades bem bacanas para compartilhar, mas quero fazer um post especial só pra isso.

A Páscoa já se foi e agora vou me despedir do dia vendo um capitolozinho mais de The Good Wife.

Besitosss 🙂

PS: coelhinho passou por aqui!